HomeEUA7.500 militares, 142 aeronaves, 4 Bombardeiros Nucleares B-52, caças F-35: O maior...

7.500 militares, 142 aeronaves, 4 Bombardeiros Nucleares B-52, caças F-35: O maior exercício conjunto EUA e Israel contra ameaças no Oriente-médio

O Comando Central dos EUA para o Oriente-médio (CENTCOM) e as Forças de Defesa de Israel iniciam o Exercício Juniper Oak 23.

Siga

O Juniper Oak 2023, um exercício militar conjunto que durará até 27 de janeiro, incluirá mais de 140 aeronaves, 12 embarcações da marinha e sistemas de artilharia de ambos os países, informou o CENTCOM em comunicado.

Dessas 142 aeronaves, 100 aeronaves que participaram do exercício, incluindo quatro bombardeiros estratégicos B-52, quatro caças F-35, 45 caças F/A-18 e dois drones MQ-9 Reaper, são militares dos EUA.

Além disso, o CENTCOM anunciou que caças F-15 e F-16, helicópteros AC-130, helicópteros Apache e outras aeronaves de resgate e reabastecimento também estão participando do exercício.

O oficial destacou que o Juniper Oak 23 é o maior exercício conjunto entre os Estados Unidos e Israel devido ao grande número de aeronaves, planejamento intensivo com as Forças de Defesa de Israel e o desafiador componente de fogo real.

De acordo com um alto funcionário da defesa dos EUA, o exercício foi feito para mostrar ao Irã e outros rivais que Washington não está excessivamente preocupado com a invasão russa da Ucrânia e as ameaças da China de reunir uma força militar considerável.

Este exercício visa aumentar a prontidão dos EUA e de Israel como um todo e sua capacidade de colaborar, promovendo a estabilidade na região, disse o CENTCOM.

O comando acrescentou que exercícios como o Juniper Oak demonstram como a interoperabilidade e a integração contribuem para aumentar a segurança da região.

O general Michael Kurilla, comandante do CENTCOM, observou que o exercício fortalece a capacidade dos dois países para responder a emergências e demonstra seu compromisso com o Oriente Médio.

O CENTCOM, em sua declaração, mencionou que “as forças praticariam comando e controle conjuntos; operações aéreas na guerra marítima de superfície; busca e salvamento em combate; ataques eletrônicos; supressão das defesas aéreas inimigas; coordenação de greve e reconhecimento; e interdição aérea”.

Exercício Militar Juniper Oak 23

Este exercício militar, em contraste com muitos outros, é um exercício de todos os domínios que incorpora exercícios de guerra eletrônica, naval, terrestre, aérea e espacial. O treinamento culmina com um exercício de tiro real que utilizará 180.000 libras de munição real para simular a supressão das defesas aéreas inimigas, interdição aérea estratégica e ataque eletrônico.

As Forças de Defesa de Israel (IDF) afirmaram que a aeronave praticaria vários cenários, como atingir alvos para representar ameaças marítimas e bombardeiros americanos lançando munições reais no sul de Israel.

A NBC relata que seis navios da Marinha israelense e seis navios dos EUA, incluindo um grupo de ataque de porta-aviões, estão entre os 12 navios da marinha que participam do exercício. Além disso, as corvetas da classe Sa’ar 5 da Marinha de Israel e um submarino participarão do exercício, de acordo com o IDF.

As corvetas serão reabastecidas durante o exercício por um navio-tanque americano para “estender o alcance e as áreas de operação das IDF em cenários de rotina e emergência”, de acordo com os militares israelenses.

O exercício empregaria vários sistemas de foguetes de lançamento, quatro sistemas de foguetes de artilharia de alta mobilidade, infantaria e forças especiais.

A NBC afirmou que 6.400 funcionários dos EUA estariam envolvidos no exercício, incluindo 1.100 funcionários israelenses. Vários oficiais superiores do CENTCOM observarão o exercício.

Um grande número de aeronaves e soldados engajados tornou “o exercício mais significativo entre os Estados Unidos e Israel até o momento”, disseram as autoridades dos EUA e de Israel.

Dito isto, o exercício ocorre num momento em que a presença militar dos EUA na área do Comando Central é menor do que há anos, em parte devido à retirada de soldados do Afeganistão em 2021 e à redução do número de Militares americanos no Iraque.

Um funcionário disse à NBC que, embora o exercício não tenha como alvo um país específico, rivais regionais como o Irã prestarão atenção. “A escala do exercício é relevante para toda uma gama de cenários, e o Irã pode tirar algumas conclusões disso”, acrescentou um funcionário.

Israel e os militares dos EUA frequentemente colaboram em exercícios de treinamento, como exercícios da força aérea e manobras de defesa antimísseis. O IDF e os militares dos EUA realizaram exercícios aéreos conjuntos em 2022 que simularam ataques contra o Irã e seus representantes terroristas regionais.

Em novembro de 2022, Aviv Kohavi, então chefe do IDF, afirmou que as operações conjuntas com os militares dos EUA no Oriente Médio seriam “substancialmente estendidas”.

O Juniper Oak 23 integra muitos ativos e missões militares, incluindo:

Ativos

  • bombardeiros estratégicos
  • Avião de combate
  • Aeronave de resgate
  • Reabastecimento de aeronaves
  • Forças navais
  • Disparos de precisão de longo alcance terrestres
  • Disparos aéreos de precisão de longo alcance
  • Aeronave de asa rotativa
  • recursos da Força Espacial
  • Forças de Operações Especiais
  • forças de infantaria

Missões

  • Comando e controle dos EUA e Israel
  • Operações aéreas na guerra de superfície marítima
  • Busca e salvamento em combate
  • ataque eletrônico
  • Supressão das defesas aéreas inimigas
  • Coordenação de ataque e reconhecimento
  • interdição aérea
Siga
Patrocinado por Google

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR:  canalareamilitarof@gmail.com

Deixe uma resposta

Quero receber notícias:

ENTRE EM NOSSO CANAL NO TELEGRAM



Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas da área militar destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade. Siga nosso Twitter https://twitter.com/areamilitarof
ARTIGOS RELACIONADOS

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR 

CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

AGORA!