HomeHistória79 anos depois, Veterano da II Guerra recebe seu diploma do ensino...

79 anos depois, Veterano da II Guerra recebe seu diploma do ensino médio

Apenas algumas semanas antes de se formar no ensino médio em 1943, Donald Huisenga foi convocado para o Exército dos EUA para lutar na Segunda Guerra Mundial.

Quase 79 anos depois, o homem de 98 anos de San Angelo, Texas, finalmente conseguiu obter seu diploma do ensino médio no início deste mês.

Tudo começou em novembro, quando Huisenga se encontrou com Tess Gooding, assistente social do West Texas VA em San Angelo. Durante o encontro, Huisenga mencionou que nunca havia recebido o diploma do ensino médio, algo que lamentava há anos.

“Ele completou 18 anos no outono de seu último ano, foi convocado na primavera de seu último ano e deveria se formar em maio”, disse Gooding à Fox News Digital.

Ele foi convocado em março de 1943, cerca de seis ou sete semanas antes de sua formatura programada.

Durante seu serviço na Segunda Guerra Mundial, Huisenga saltou de paraquedas de um avião e se tornou um prisioneiro de guerra, disse Gooding à Fox News. De acordo com o San Angelo Standard-Times, ele passou oito meses em um campo de prisioneiros de guerra alemão.

O jornal informou que Huisenga serviu no Exército de 1943 a 1945. Após seu serviço, Huisenga retornou à vida civil nos EUA, mas nunca obteve seu diploma do ensino médio.

Isso mudou após sua conversa inicial com a assitente social Gooding. No mesmo dia em que se encontrou com o veterano Huisenga, Gooding ligou para a East Sac County High School em Lake View, Iowa, que substituiu a escola que Huisenga frequentou na década de 1940 – Auburn High School.

Gooding perguntou se a escola poderia ajudar Huisenga a obter seu diploma e o diretor Kevin Litterer concordou imediatamente em ajudar.

“Quando Donald procurou Tess e Tess estendeu a mão para mim, o diretor dentro de mim disse: ‘Todo mundo que quer um diploma e realmente quer, deveria conseguir um'”, disse Litterer à Fox News Digital.

Litterer disse que, imediatamente, os funcionários da escola começaram a tentar rastrear um diploma do ensino médio da Auburn High School de 1943 para que a Jostens, a empresa que faz os materiais de formatura da escola, pudesse fazer uma réplica de um diploma de 1943 para Huisenga.

Litterer também perguntou ao conselho escolar e ao superintendente se eles reconheceriam Huisenga como um graduado do ensino médio no estado de Iowa. A diretoria votou sim por unanimidade.

Enquanto isso acontecia em Iowa, Gooding estava ajudando Huisenga a colocar seus cuidados de saúde em ordem para que ele pudesse participar de uma cerimônia de diplomação. Gooding disse à Fox que Huisenga precisava de um novo aparelho auditivo e uma consulta de cardiologia para substituir as baterias de seu marca-passo.

Donald Huisenga, 98, recebeu seu diploma do ensino médio em 5 de janeiro de 2022, quase 79 anos depois de recebê-lo na primavera de 1943. (Cortesia de Beth Litterer).

Em apenas algumas semanas, ele conseguiu resolver tudo, disse Gooding.

“Tantas coisas tiveram que se unir e se encaixar perfeitamente e estou muito agradecido pela maneira como tudo aconteceu”, disse Gooding.

“Tudo isso aconteceu com tanta facilidade e acho que essa é a melhor parte de tudo isso”, acrescentou. “Foi um grande esforço de equipe e tudo correu sem problemas. E foi apenas um daqueles momentos em que todos estavam a bordo, todos fizeram sua parte e foram além do que se esperava deles para que isso acontecesse.”

Uma dessas pessoas foi Litterer, que dirigiu de Iowa para o Texas para presentear Huisenga com seu diploma do ensino médio. A cerimônia aconteceu no dia 5 de janeiro na Clínica San Angelo VA.

“Para mim, apresentar o diploma a ele, foi uma honra”, disse Litterer à Fox. “Sim, é o diploma dele, mas também estou entregando a um cavalheiro que colocou sua vida em espera para se sacrificar pelo que nosso país precisava em 1943. E esses homens são heróis na minha opinião.”

“Como diretor, para mim entregar esse diploma a Donald e o olhar em seus olhos quando lhe dei esse diploma, foi inestimável”, acrescentou Litterer. “Isso é o que ele queria e fiquei honrado em fazer parte disso para garantir que ele conseguisse.”

Gooding disse que ajudar Huisenga a obter seu diploma do ensino médio era “realmente a coisa certa a fazer”.

“Foi a melhor experiência do mundo inteiro fazer parte da história do Sr. Huisenga e conhecê-lo”, disse ela.

  • Fonte: da reportagem de Ann W. Schmidt, repórter e editora de estilo de vida da Fox News Digital USA.

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR CONTRA A CENSURA DO YT

OU USE A CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

Deixe uma resposta


RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS



ENTRE EM NOSSO CANAL NO TELEGRAM



Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas da área militar destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade. Siga nosso Twitter https://twitter.com/areamilitarof
ARTIGOS RELACIONADOS

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR CONTRA A CENSURA DO YT

OU USE A CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

AGORA!