HomeEuropaBulgária suspeita de 6 russos em explosões de depósito de armas

Bulgária suspeita de 6 russos em explosões de depósito de armas

Agentes russos são os principais suspeitos de ataques em fábricas de munição e envenenamento na Bulgária

Promotores búlgaros relacionaram seis cidadãos russos a uma série de explosões em fábricas de munições e armas em seu território, informou a mídia do sudeste europeu nesta quarta-feira, 28 de abril.

A porta-voz da Procuradoria-Geral da República, Siika Mileva, disse que os quatro incidentes ocorridos há uma década podem estar relacionados à tentativa de envenenamento do traficante de armas búlgaro Emilian Gebrev em 2015.

Três cidadãos russos suspeitos de trabalhar para a agência de inteligência militar GRU são procurados em conexão com o envenenamento de Gebrev, disse Mileva em uma entrevista coletiva. Três outras pessoas teriam estado na Bulgária na época da tentativa de envenenamento e das explosões – uma das quais ocorreu em 2011, duas em 2015 e uma no ano passado.

As armas e munições em todas as quatro explosões foram destinadas à exportação para a Ucrânia ou a Geórgia, informou a Agência de Notícias Búlgara, citando promotores búlgaros.

“As evidências coletadas levam à conclusão de que o objetivo das ações dos cidadãos russos era interceptar o fornecimento de produtos militares para a Geórgia e a Ucrânia”, disse a agência de notícias.

Blast in Bulgarian ammunition plant kills 1, injures 4

A promotoria búlgara disse que tem trabalhado com as autoridades tchecas para estabelecer uma ligação entre os quatro atentados e a explosão mortal no depósito de armas de 2014 em território tcheco, que levou a uma grande precipitação entre Praga e Moscou.

Praga acusou os serviços especiais russos de envolvimento nas explosões, desencadeando uma série de expulsões diplomáticas envolvendo outros membros da UE e da OTAN no leste e centro da Europa que continuaram na quarta-feira.

O Kremlin negou as acusações como absurdas, com o ministro das Relações Exteriores da Rússia sendo o último a ridicularizá-las – e a disputa doméstica do governo tcheco entre seu presidente pró-Rússia e o governo pró-UE – como “esquizofrenia”.

O ministro das Relações Exteriores da Rússia, Sergei Lavrov, na quarta-feira, também zombou das acusações da Bulgária, dizendo que Sofia “evidentemente quer superar os tchecos”.

The Moscow Times, Bellingcat Investigation Team, via Redação Área Militar

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR CONTRA A CENSURA DO YT

OU USE A CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

Deixe uma resposta


RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS



ENTRE EM NOSSO CANAL NO TELEGRAM



Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas da área militar destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade. Siga nosso Twitter https://twitter.com/areamilitarof
ARTIGOS RELACIONADOS

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR CONTRA A CENSURA DO YT

OU USE A CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

AGORA!