HomeGuerra Fria 2.0Caças Israelenses e sauditas escoltam bombardeiros B1-B da USAF

Caças Israelenses e sauditas escoltam bombardeiros B1-B da USAF

A Central das Forças Aéreas dos EUA informou por um comunicado, que aviões de caças israelenses e sauditas se juntaram à um exercício de patrulha em seus respectivos espaços aéreos, enquanto os caças norte-americanos forneceram escolta. Os caças israelenses e sauditas se revezaram na escolta de dois bombardeiros pesados ​​estratégicos supersônicos B-1B americanos durante uma missão de patrulha de presença da USAF no Oriente Médio. O exercício aconteceu no dia 11 de novembro.

A patrulha de presença de duas horas voou para a área de responsabilidade do Comando Central dos EUA (CENTCOM) sobre o Mar Vermelho e conduziu reencontros com “nações parceiras” ao longo da rota de vôo antes de partir da região.

A Força Aérea de Israel disse que o vôo conjunto demonstra a cooperação contínua das Forças de Defesa de Israel com os Estados Unidos.

Por seu lado, o Ministério da Defesa da Arábia Saudita disse que o voo contribuiu para a cooperação entre as forças aéreas sauditas e norte-americanas para manter a segurança e estabilidade da região.

O CENTCOM coordenou cinco patrulhas semelhantes desde o início do ano, três em janeiro, uma em março e uma em outubro.

O vôo conjunto destaca a crescente coordenação militar entre Israel e os aliados árabes dos Estados Unidos. Apenas um dia antes, forças dos Emirados Árabes Unidos, Bahrein, Israel e Comando Central das Forças Navais dos EUA deram início a um exercício de operações de segurança marítima multilateral no Mar Vermelho.

Essas medidas têm, sem dúvida, o objetivo de aumentar a pressão sobre o Irã antes das próximas negociações nucleares com os EUA em Viena.

  • Com informações USAF/CENTCOM, Israel Air Force e Royal Saudi Air Force via redação Orbis Defense Europe.


RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS



ENTRE EM NOSSO CANAL NO TELEGRAM



Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas da área militar destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade. Siga nosso Twitter https://twitter.com/areamilitarof
ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

AGORA!