HomeOriente-médioExército Afegão e milícias populares expulsãm Talebã de cidades tomadas

Exército Afegão e milícias populares expulsãm Talebã de cidades tomadas

Nos dias 2 e 3 de Agosto , forças do Talebã foram expulsas da cidade de Herat, depois que as forças do governo afegão e um levante público que se organizou em milícia armada empurrou-os de volta para regiões distantes das cidades antes ocupadas.

O mais recente deslocamento de forças de Cabul para ajudar as Forças Armadas afegãs, bem como a milícia chefiada pelo ex-senhor da guerra “Leão de Herat” Ismail Khan, conseguiu expulsar o Taleban de partes importantes da capital provincial.

Está acontecendo uma revolta justificada contra o Talebã devido aos abusos e mortes cometidas como meio de intimidação contra a população civil que não quer coaborar com os ataques contra o governo e a conversão forçada ao islamismo radical perpretado pelo Talebã e pelo ISIS.

“As forças de segurança afegãs mais as forças de resistência lançaram uma grande operação no oeste da cidade”, disse Jailani Farhad, porta-voz do governador de Herat.

Segundo ele, os talibãs foram expulsos de várias áreas da cidade, incluindo o aeroporto civil de Herat, que voltou a funcionar.

Sentindo a retirada do Taleban, as pessoas foram às ruas de Herat, comemorando e gritando “Deus é grande”. Os habitantes locais anunciaram seu apoio às forças do governo e juraram defender a província.

A medida foi saudada por afegãos de outras regiões, que se juntaram a eles criando as hashtags “Levante de Herat”.

Eles também comemoraram os avanços das Forças de Defesa e Segurança Nacional do Afeganistão em sua luta contra o Taleban na parte sul da cidade de Herat. 02 de agosto nd foi o sexto dia de combates em Herat, relata Tolo News.

O primeiro vice-presidente Amrullah Saleh deu as boas-vindas à mudança e tweetou:

Ainda assim, a situação em Lashkar Gah é terrível, assim como os confrontos estão acontecendo perto de Kandahar e muitas outras cidades.

Pesados ​​confrontos estão ocorrendo entre as forças do Afeganistão e o Taleban em várias cidades afegãs após a retirada das forças dos EUA e da OTAN do país. Até 28 incidentes ocorreram nas últimas 24 horas, ocorrendo em 4 de agosto .

De acordo com os últimos dados divulgados por observadores afegãos (até 3 de agosto), o Taleban controla 140 províncias, sendo 151 contestadas e 131 do governo.

Fortes confrontos estão ocorrendo entre as forças do Afeganistão e o Taleban em várias cidades afegãs.

Pelo menos 40 civis foram mortos e mais de 100 feridos no referido período de tempo em combates entre as forças de segurança afegãs e os talibãs no Lashkar Gah, disse a ONU em 3 de agosto rd .

Matiullah Khan, o chefe de polícia do distrito de Nawzad de Helmand estava entre os mortos em Lashkar Gah e Imdadullah, um conselheiro do conselho provincial de Nangarhar que trabalhava com as forças especiais dos EUA foi eliminado em Jalalabad, disseram observadores afegãos.

Forças afegãs lutou contra os talibãs no Lashkar Gah como a luta se intensificou na cidade na província de Helmand, no sul ea linha de frente foi no distrito 1, onde os EUA realizaram um ataque aéreo na manhã de 2 de Agosto nd .

Como pode ser visto acima, o apoio público está crescendo para as Forças de Defesa e Segurança Nacional do Afeganistão (ANDSF), que estão lutando contra o Taleban. Em Herat, onde o escritório da Missão de Assistência das Nações Unidas no Afeganistão (UNAMA) foi atacado, as pessoas ergueram slogans a favor das forças de segurança. Relatórios da mídia local dizem que não há eletricidade em Herat desde os últimos seis dias.

  • Com informações Afghan National Defense and Security Forces (ANDSF), United Nations Assistance Mission in Afghanistan (UNAMA), Sky News, The Times, Dailyaz via redação Orbis Defense Europe.


RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS



ENTRE EM NOSSO CANAL NO TELEGRAM



Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas da área militar destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade. Siga nosso Twitter https://twitter.com/areamilitarof
ARTIGOS RELACIONADOS

Deixe uma resposta

AGORA!