Força Aérea Brasileira – Esquadrões treinam Ressuprimento Aéreo, Assalto Aeroterrestre e Infiltração Aérea

Entre os dias 21 de abril e 06 de maio, o 5º Esquadrão de Transporte Aéreo (5º ETA), sediado na Base Aérea de Canoas (RS), e o 3º Esquadrão de Transporte Aéreo (3º ETA), sediado na Base Aérea do Galeão (RJ), realizam o Exercício Técnico (EXETEC) ASSAET 2024. Com sede na Base Aérea de Florianópolis (SC), o Exercício visa o treinamento das equipagens da Aviação de Transporte, por meio do planejamento mútuo de missões entre as duas Unidades Aéreas.

Os Esquadrões realizam a manutenção operacional e o adestramento de seus tripulantes em Ações de Força Aérea como as de Ressuprimento Aéreo, Assalto Aeroterrestre e Infiltração Aérea.

 

“O Exercício proporciona a oportunidade de aprimoramento das técnicas de emprego dos meios aeroespaciais. Com treinamentos de Navegação a Baixa Altura e Formação Tática com as aeronaves C-95M Bandeirante, é possível realizar ações que envolvam o lançamento aéreo de cargas, para entrega de equipamentos e suprimentos, o que amplia a capacidade de combate das tropas no terreno”, explica o Tenente Aviador João Paulo Carrarini Quintanilha, um dos pilotos do 3º ETA.

Além disso, com o desdobramento dos Esquadrões fora de sede, o EXETEC possibilita a capacitação logística dessas Unidades Aéreas, uma vez que coloca em prática a mobilização de pessoal, material, infraestrutura e serviços necessários às operações aéreas.

Com a concretização deste Exercício Técnico, a Força Aérea Brasileira mostra-se disponível quando e onde for necessário através do emprego dos seus meios aéreos, reforçando a prontidão, o preparo e a disponibilidade de militares e equipamentos.

Fotos: Tenente Fonseca, Sargentos Jeber e Tolentino

Patrocinado por Google
Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade.
ARTIGOS RELACIONADOS

Descubra mais sobre Área Militar

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading