HomeRússiaGazprom ameaça reduzir fluxos de gás para a Europa via Ucrânia

Gazprom ameaça reduzir fluxos de gás para a Europa via Ucrânia

A Rússia deu ultimato e poderá cortar o gás via Ucrânia nos próximos dias atolando ainda mais a existência da vizinha e a sociedade europeia.

A estatal russa do setor energético Gazprom PJSC disse que pode cortar os fluxos de trânsito de gás via Ucrânia, sua única rota restante para exportações para os mercados da Europa Ocidental, a partir da próxima semana. Os preços da gasolina dispararam com este anúncio.

A ameaça surge no momento em que o clima mais frio aumenta a demanda por gás na Europa no início da estação de aquecimento. Os comerciantes e formuladores de políticas estão ansiosos pelos desenvolvimentos na rota da Ucrânia desde que Moscou vem reduzindo os fluxos para a Europa há meses.

Os principais pontos de fluxo de gás russo na Ucrânia são: Fronteira Orenburg-Western (Eslováquia), Urengoy-Uzhgorod, fronteira Yamburg-Western border, duas linhas por Dolina-Uzhgorod (com a Eslováquia), duas linhas por Komarno-Drozdowichi (com a Polônia), duas linhas por Uzhgorod-Beregovo (com a Hungria), Hust – Satu-Mare (Romênia) e três linhas Ananyev-Tiraspol’-Izmail & Shebelinka-Izmail (ao sul com a Romênia).

Uma série de oleodutos que cruzam o território ucraniano fornecem gás natural da Rússia para clientes europeus. Juntos, eles constituem o maior corredor de transporte de gás com uma capacidade projetada de mais de 100 bcm, através do qual o gás russo pode ser entregue a consumidores em diferentes países europeus.

O produtor russo disse no Telegram que alguns volumes de gás destinados à Moldávia permanecem na Ucrânia. Ele calcula que até agora a Ucrânia acumulou 52,52 milhões de metros cúbicos de gás destinados à Moldávia, disse.

Se esses desequilíbrios persistirem, a Gazprom começará a reduzir o fornecimento de gás para a Ucrânia a partir das 10h de 28 de novembro. A Gazprom atualmente envia cerca de 43 milhões de metros cúbicos por dia para a Europa via Ucrânia, a última rota restante para os mercados da Europa Ocidental.

O Naftogaz da Ucrânia não respondeu imediatamente a um pedido de comentário.

Com informações complementares East European Gas Analysis, Felipe Moretti via Redação Área Militar

Patrocinado por Google

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR CONTRA A CENSURA DO YT

OU USE A CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

Deixe uma resposta


RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS



ENTRE EM NOSSO CANAL NO TELEGRAM



Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas da área militar destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade. Siga nosso Twitter https://twitter.com/areamilitarof
ARTIGOS RELACIONADOS

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR 

CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

AGORA!