HomeGuerra Fria 2.0Jornalista veterano expôe contradições de porta-voz dos EUA em coletiva de imprensa...

Jornalista veterano expôe contradições de porta-voz dos EUA em coletiva de imprensa sobre crise na Ucrânia

Um jornalista veterano escritor da Associated Press chamado Matt Lee deixou o porta-voz do Departamento de Estado Ned Price perturbado na quinta-feira durante uma coletiva de imprensa, depois que ele pressionou o porta-voz do governo sobre contradições das supostas evidências de planos russos de encenar uma bandeira falsa contra a Ucrânia.

Durante a coletiva de imprensa, Price afirmou que Moscou poderia estar tentando se envolver em uma “operação de bandeira falsa para iniciar atividade militar” na Ucrânia.

Em seguida, o porta-voz do governo disse que um “vídeo de propaganda” russo causou preocupação ao governo dos EUA.

Este vídeo supostamente inclui “cenas gráficas, explosões falsas e cadáveres”,atores de crise fingindo ser enlutados” e “imagens de locais destruídos ou equipamentos militares” no solo na Ucrânia.

Após este anúncio, o escritor da AP, Matt Lee, pediu a Price que elaborasse quais ações a Rússia poderia tomar.

Price se referiu ao suposto vídeo de propaganda que o governo americano viu e alegou que a Rússia posicionou agentes na Ucrânia há algumas semanas com a esperança de conduzir uma operação de bandeira falsa.

Lee disse: “Essa é uma ação que você diz que eles tomaram, mas você não mostrou evidências para confirmar isso”.

“Quero dizer, isso é tipo, atores de crise, realmente? Isso é tipo, território de Alex Jones em que você está entrando agora. Que evidências você tem para apoiar a ideia de que há algum filme de propaganda em produção?” Lee perguntou.

Em seguida, Price alegou estranhamente que a evidência já foi desclassificada e, quando Lee perguntou onde ela havia sido desclassificada, ele disse: “Acabei de entregar”.

“Não, você fez uma série de alegações e declarações… Isso não é evidência Ned, é você quem está dizendo”, respondeu Lee.

Mais uma vez, Lee pediu provas que mostrem que os russos estão planejando encenar uma operação de bandeira falsa.

Explicando a Price por que ele está resistindo às alegações frágeis do governo, Lee disse: “Lembro-me dos WNDs no Iraque. Lembro-me que Cabul não vai cair. Lembro-me de muitas coisas.”

“Então, onde está a informação desclassificada além de você vir aqui e dizer isso?” Lee perguntou.

Não respondendo, Price disse condescendentemente a Lee: “Sinto muito que você esteja duvidando das informações que estão em poder do governo dos EUA”.

Cada vez mais frustrado, Lee perguntou: “Qual é a evidência que você tem que sugere que os russos estão planejando isso? Não estou dizendo que não, mas você simplesmente sai e diz isso e espera que acreditemos sem que você mostre um pingo de evidência que seja realmente verdade, a não ser quando eu perguntar: ‘Qual é a informação?’ você diz: ‘Eu apenas disse para você’, que era apenas você fazendo uma declaração.”

Price respondeu sugerindo que Lee continuasse duvidando da credibilidade do governo dos EUA e “encontre consolo” nas informações que os russos estão divulgando.

Essa troca frustrante foi um mau sinal para a política externa dos EUA, já que o governo Biden está claramente tramando algo suspeito.

Matt Lee não é o único que se lembra das mentiras do governo que arrastaram os americanos para guerras desnecessárias que resultaram em centenas de milhares de mortes.

Na verdade, Alex Jones, a quem Lee se referiu na troca, está na vanguarda da exposição de operações de bandeira falsa e mentiras do governo há décadas.

Veja o desabafo completo abaixo:

  • Com informações CBS News USA, CSPAM News USA,  FOX News USA, U.S. Dept os State, STFH Analysis & Intelligence, grandes mídias e redes sociais via redação Orbis Defense Europe/Genebra.

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR CONTRA A CENSURA DO YT

OU USE A CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

Deixe uma resposta


RECEBA NOSSAS NOTÍCIAS



ENTRE EM NOSSO CANAL NO TELEGRAM



Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas da área militar destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade. Siga nosso Twitter https://twitter.com/areamilitarof
ARTIGOS RELACIONADOS

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR CONTRA A CENSURA DO YT

OU USE A CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

AGORA!