Número recorde de russos reverteria a decisão de invadir a Ucrânia – pesquisa

A percentagem de russos que consideram a invasão da Ucrânia um erro atingiu um novo máximo, de acordo com os resultados de uma pesquisa da agência de sondagens Russian Field. Publicados Quinta-feira.

Pela primeira vez desde o início da guerra, 37% dos entrevistados afirmam que reverteriam a decisão de Moscovo de lançar a sua chamada “operação militar especial” na Ucrânia se pudessem voltar no tempo.

Quando a Russian Field fez a mesma pergunta pela primeira vez em março de 2022, o número de entrevistados a favor de uma decisão reversa era de 28%.

No entanto, a percentagem daqueles que não acabariam com a guerra se pudessem voltar no tempo ainda constitui a maioria.

Nos resultados do último inquérito, 53% dos inquiridos indicaram que não acreditavam que a decisão de invadir a Ucrânia fosse um erro, abaixo dos 57% em Março de 2022.

As mulheres e os entrevistados mais jovens eram ligeiramente mais propensos a favorecer a reversão da decisão de lançar a guerra.

Não é de surpreender que os apoiantes dos partidos políticos pró-Kremlin tenham maior probabilidade de responder “não” quando questionados se mudariam de ideias sobre a invasão.

A Russian Field entrevistou 1.600 entrevistados russos por telefone entre 11 e 19 de janeiro.

Patrocinado por Google

Deixe uma resposta

Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade.
ARTIGOS RELACIONADOS

Descubra mais sobre Área Militar

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading