OTAN – Defesa aérea e antimísseis em camadas, abrangente e distribuída no Indo-Pacífico

Inscreva-se no grupo de análise e inteligência no Telegram ?? https://t.me/areamilitar

Um dos desafios operacionais mais críticos que os Estados Unidos poderão enfrentar num conflito futuro, particularmente no teatro Indo-Pacífico, é a ameaça de ataques aéreos e de mísseis guiados com precisão em massa contra portos, bases e outras instalações vitais no exterior. O DoD investiu recursos significativos para se defender contra ataques de mísseis balísticos aos Estados Unidos, bem como às suas bases avançadas e forças operacionais avançadas. No entanto, ainda não consegue derrotar um grande número de mísseis balísticos, mísseis de cruzeiro e sistemas aéreos não tripulados.

Os planos integrados de defesa aérea e antimísseis (IAMD) ainda dependem de interceptadores defensivos que custam muito caro, entregam muito pouco e não abordam suficientemente a ameaça crescente de ataques de salva complexos.

Abordagens alternativas devem incluir conceitos de IAMD em camadas, abrangentes e distribuídos que abordem todo o espectro de ameaças. Especificamente, novos conceitos devem ser construídos em torno de anéis concêntricos: um anel externo que possa detectar e atacar alvos hostis muito além do alcance dos sistemas defensivos terrestres localizados em ou perto de uma base ameaçada; um anel interno que pode proteger a área imediatamente ao redor daquela base; e um anel próximo que fornece defesa pontual contra alvos específicos naquela base.

Este relatório desenvolve tal conceito e aplica-o à defesa de Guam.

-termina-

Patrocinado por Google

Deixe uma resposta

Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade.
ARTIGOS RELACIONADOS

Descubra mais sobre Área Militar

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading