OTAN – Japão encomenda 400 mísseis de cruzeiro Tomahawk em negócio de US$ 1,7 bilhão

Inscreva-se no grupo de análise e inteligência no Telegram ?? https://t.me/areamilitar

TÓQUIO — Ministério da Defesa do Japão (JMOD) / Força de Autodefesa do Japão fortalecerá suas capacidades de defesa impasses, a fim de interromper e derrotar as forças que invadem o Japão antecipadamente e de longe.

A fim de construir rapidamente esta capacidade, a JMOD/JSDF está, em primeiro lugar, a trabalhar no sentido da aquisição imediata de mísseis autônomos nacionais.

Além disso, tal como anunciado em Outubro do ano passado, o Governo do Japão também decidiu adquirir o Tomahawk, que complementa os mísseis stand-off indígenas, um ano antes do previsto.

Temos o prazer de anunciar que concluímos uma Carta de Oferta e Aceitação (LOA) para a aquisição de mísseis Tomahawk e equipamentos relacionados com o Governo dos Estados Unidos sob um acordo de Vendas Militares Estrangeiras (FMS), que foi assinado no Ministério da Defesa em Quinta-feira, 18 de janeiro de 2024, na presença do Sr. KIHARA, Ministro da Defesa do Japão, e de Sua Excelência o Sr. Rahm EMANUEL, Embaixador Extraordinário e Plenipotenciário dos Estados Unidos no Japão.

A aquisição dos mísseis ocorrerá entre JFY 2025 e JFY 2027.

Continuaremos a promover a aquisição de vários mísseis stand-off e a trabalhar para a construção antecipada de capacidades de defesa stand-off com base no Programa de Desenvolvimento de Defesa.

(NOTA DO EDITOR: O pedido Tomahawk, para 400 mísseis (200 Block IVs e 200 Block Vs) vale aprox. US$ 1,7 bilhão depois do Japão revisado para baixo seu pedido original aos Estados Unidos)

-termina-

Patrocinado por Google

Deixe uma resposta

Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade.
ARTIGOS RELACIONADOS

Descubra mais sobre Área Militar

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading