Putin diz que Ucrânia é ‘óbvia’ por trás da queda de avião do Exército

O presidente Vladimir Putin disse na sexta-feira que era “óbvio” que a Ucrânia abateu um avião de transporte militar russo IL-76 que transportava prisioneiros ucranianos na região fronteiriça de Belgorod esta semana.

Segundo Moscou, o avião viajava para a região antes de uma troca de prisioneiros na quarta-feira, quando foi atingido por mísseis antiaéreos. Disse que havia 65 prisioneiros de guerra ucranianos a bordo.

A Ucrânia não confirmou nem negou o seu envolvimento no acidente, mas as autoridades parecem questionar se os prisioneiros estavam realmente a bordo.

“Não sei se o fizeram de propósito ou impensadamente, mas é óbvio que o fizeram”, disse Putin aos soldados estudantes na sua primeira reacção ao acidente.

Ele também alegou que a Ucrânia sabia como a Rússia planeava transportar os prisioneiros quando estes atingiram o avião, uma acusação que Kiev contestou veementemente.

“O principal departamento de inteligência do exército ucraniano sabia que íamos levar 65 militares para lá. E sabendo disso, atacaram esta aeronave”, disse ele.

“De qualquer forma, é um crime”, disse ele.

Kiev e Moscovo abriram investigações criminais e o presidente ucraniano, Volodymyr Zelensky, apelou a uma investigação internacional.

A Ucrânia confirmou que iria ocorrer uma troca de prisioneiros, mas disse que não foi informada de que os soldados seriam transportados para a fronteira de avião, como no passado.

Patrocinado por Google

Deixe uma resposta

Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade.
ARTIGOS RELACIONADOS

Descubra mais sobre Área Militar

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading