Ucrânia – Prefeito de Paris sobre os russos nas Olimpíadas de 2024: prefiro que eles não venham

A prefeita de Paris, Anne Hidalgo, afirmou que se opõe a participação de atletas russos nas Olimpíadas de 2024, que acontecerão na França de 26 de julho a 11 de agosto de 2024, bem como na cerimônia de abertura dos jogos internacionais.

Prefiro que eles não venham. Não podemos agir como se (a invasão da Ucrânia pela Rússia) não existisse. Não poderíamos agir como se (Vladimir) Putin não fosse um ditador que hoje ameaça toda a Europa”, disse Hidalgo.

Na próxima reunião, o Comité Olímpico Internacional (COI) decidirá se permitirá que atletas russos e bielorrussos participem na cerimónia de abertura dos Jogos Olímpicos de 2024. É importante notar que atletas da Rússia e da Bielorrússia foram autorizados a competir, mas apenas individualmente e sob bandeira neutra.

Volodymyr Kogutyak, vice-presidente do UWC para a Europa Ocidental, afirmou que a posição clara do prefeito de Paris demonstra a atitude dos cidadãos franceses em relação aos russos. “Hoje, não importa quanto dinheiro a Rússia invista em propaganda, os nossos parceiros internacionais continuam e continuarão a ajudar a Ucrânia em todas as esferas. Juntos faremos tudo pela vitória da Ucrânia”, enfatizou Kogutyak.

Entretanto, a comunidade ucraniana em França continua a fazer esforços para excluir os russos da participação nos Jogos Olímpicos de 2024. “Continuamos a fazer tudo para que o agressor não venha a Paris para a competição e, se vier, tudo faremos para que ele entenda a cada minuto que não é bem-vindo aqui!” concluiu o vice-presidente do UWC para a Europa Ocidental.

Capa: Reuters/Benoit Tessier

Patrocinado por Google

Deixe uma resposta

Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade.
ARTIGOS RELACIONADOS

Descubra mais sobre Área Militar

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading