Ucrânia – Ucranianos em Portugal protestam contra apresentação de livro de guerra pró-Rússia

A comunidade ucraniana em Lisboa protestou contra a apresentação do livro pró-Rússia A Guerra a Leste (“A Guerra no Oriente”) do jornalista e comunista Bruno Amaral de Carvalho. Várias dezenas de indivíduos preocupados reuniram-se em frente à livraria local Livraria Buchholz, relatou Pavlo Sadokha, vice-presidente do UWC e presidente da União dos Ucranianos em Portugal.

“Comunistas radicais locais com parasitas de Moscovo residentes em Portugal reuniram-se para a apresentação, comportando-se de forma muito agressiva, imitando a execução de ucranianos enquanto cantávamos o hino ucraniano. Bem, nada de novo, estes são agressores que querem destruir o mundo”, escreveu Sadokha.

“Comunismo – nunca mais! Comunismo é igual a fascismo!” gritaram os ativistas. “É ótimo que estejamos reunidos aqui e tenhamos conseguido evitar que esse evento acontecesse como os russos queriam. Nós, ucranianos, devemos reagir a estas coisas – demonstrar que somos muitos, que nos defendemos tanto na linha da frente na Ucrânia como aqui, contra a propaganda russa”. escreveu um dos participantes do rali, Roman Stelmakh.

Em março, a União dos Ucranianos em Portugal apelou à Comissão Nacional para a Protecção dos Direitos das Crianças e Jovens a impedir a venda gratuita do A Guerra a Leste livro. Além disso, a comunidade enviou uma letra à Livraria Buchholz solicitando o cancelamento da apresentação do livro.

Jornalista Bruno Amaral de Carvalho é conhecido do público em geral pelos seus relatórios sobre os territórios temporariamente ocupados da Ucrânia pelos russos, nos quais justifica os crimes dos agressores contra os ucranianos e apresenta falsos testemunhos, como Sadokha afirmou anteriormente. No A Guerra a Leste livro, o autor também justifica a agressão russa contra a Ucrânia e divulga propaganda do Kremlin.

Patrocinado por Google

Deixe uma resposta

Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade.
ARTIGOS RELACIONADOS

Descubra mais sobre Área Militar

Assine agora mesmo para continuar lendo e ter acesso ao arquivo completo.

Continue reading