HomeMundoURGENTE!! Gigante de tecnologia russa VK confirma a ordem para seus funcionários...

URGENTE!! Gigante de tecnologia russa VK confirma a ordem para seus funcionários retornarem para a Rússia

Duas das razões estão o perigo de vazamentos de informações secretas para instituições de inteligência do ocidente e sabotagens.

Siga

A gigante russa de tecnologia VK Group está exigindo que seus trabalhadores baseados no exterior retornem ao país, enquanto os legisladores consideram a proibição legal do trabalho remoto.

O governo estima que 100.000 trabalhadores de TI – ou 10% da força de trabalho de tecnologia do país – fugiram da Rússia desde a invasão da Ucrânia e uma mobilização “parcial” de reservas no ano passado. Cerca de 80.000 continuam trabalhando para empresas russas no exterior.

Duas fontes não identificadas próximas à administração da VK disseram ao canal investigativo Mozhem Obyasnit’ que a empresa ordenou que funcionários estrangeiros retornassem à Rússia ou seriam demitidos.

Uma das fontes atribuiu a demanda a “questões de segurança do servidor e ao desejo de evitar vazamentos”.

Outro o vinculou à legislação planejada que proibiria o trabalho remoto para profissões específicas, o que serviria de base para demitir funcionários da VK que se recusassem a retornar à Rússia.

As demissões também podem “ajudar a livrar” VK de funcionários “em risco” se os militares russos lançarem uma segunda campanha de mobilização amplamente divulgada para aumentar sua força de trabalho na Ucrânia, disse a segunda fonte.

A empresa teme que trabalhadores remotos possam “sabotar deliberadamente” VK se seus familiares forem convocados para o exército, acrescentaram.

Embora os trabalhadores de TI estivessem entre as categorias de cidadãos isentos da primeira mobilização da Rússia no outono, houve vários casos relatados de funcionários de tecnologia recebendo documentos preliminares de qualquer maneira.

O VK Group planeja tornar a demanda pública até o final de março.

A VK, que emprega mais de 10.000 pessoas, é proprietária dos populares serviços de e-mail e notícias Mail.ru, bem como das redes sociais VKontakte e Odnoklassniki, entre outros.

Espera- se que o grupo compre o Yandex, o maior mecanismo de busca e agregador de notícias da Rússia.

A venda anunciada, que está sujeita à aprovação do governo, gerou temores de que os russos possam perder o acesso a alguns dos poucos meios de comunicação independentes que ainda não foram banidos ou fechados desde a invasão da Ucrânia.

O CEO da VK, Vladimir Kirienko, é filho de Sergei Kirienko, vice-chefe do governo do presidente Vladimir Putin.

Siga
Patrocinado por Google

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR:  canalareamilitarof@gmail.com

Deixe uma resposta

Quero receber notícias:

ENTRE EM NOSSO CANAL NO TELEGRAM



Área Militar
Área Militarhttp://areamilitarof.com
Análises, documentários e geopolíticas da área militar destinados à educação e proliferação de informações de alta qualidade. Siga nosso Twitter https://twitter.com/areamilitarof
ARTIGOS RELACIONADOS

FAÇA UM PIX E AJUDE O ÁREA MILITAR 

CHAVE-PIX:  canalareamilitarof@gmail.com

AGORA!